Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Adrão, na Grande Caminhada do Ventor

Eu nasci na serra de Soajo e Adrão é o meu berço. É um berço de granito e os lençóis são bordados com as mais belas flores de ericas, de carquejas, de urzes e muitas outras. Caminhem comigo e vejam

Eu nasci na serra de Soajo e Adrão é o meu berço. É um berço de granito e os lençóis são bordados com as mais belas flores de ericas, de carquejas, de urzes e muitas outras. Caminhem comigo e vejam

Adrão, na Grande Caminhada do Ventor

A foto do cabeçalho mostra uma creche de vitelos no alto da Derrilheira - serra de Soajo

Podem ver aqui todos os Links dos meus Blogs. É só abrir e espreitar



Lobo na serra de Soajo

Piquenique nas Fontes, em Adrão

Último piquenique da Maria Bondeira comigo

Último sorriso da Maria Bondeira para mim


Regresso a Casa, 2015


Clicando nesta foto, podem ver as restantes que compõem o Album Regresso a Casa, com fotos dessa minha passagem por Adrão no meu regresso, rumo a Lisboa, em 2015. Também podem clicar na setinha do Flicker e ver as fotos em slideshow


04
Jul15

Eles vieram cá

Luiz Franqueira - Ventor

Sim, vieram!

O Anjo da Morte e mais 6 dos seus ajudantes vieram buscar o Ventor.

 

As suas fatiotas eram assim, mas o chefe do grupo vestia de negro

 

Foi na semana passada, numa noite em que a realidade e o sonho se iam conjugando mas, sem a ajuda do Antar e com a ajuda do meu Quico safei-me. Não me conseguiram levar!

 

Eram sete, tal como nos Sete Magníficos. Um, o Chefe, vestido de negro, os outros seis vestidos desse azul, em cima. Entraram de roldão pelo Hall dentro e o grande chefe ordenou. Tragam-no!

Um dos seis pegou num papel e disse: "não o podemos levar"!

«Não podemos porquê»? Perguntou o Chefe.

A resposta foi: "porque o nome dele não condiz com o documento que trazemos. Ele chama-se Franqueira e o documento diz Franqueir@! Por isso Chefe, este tem de ficar".

Depois foi o diabo entre eles.

«Como raio escrevem o nome dele com arroba, que não se usa nos nomes»?

"Não interessa, temos de confirmar. Tudo o que fazemos tem de ser perfeito"!

 

Fiquei quase sem respiração, tomei Zirtec, tomei Cortisona, passei as passas do Algarve durante algum tempo. Por fim voltei a adormecer. Voltei a sonhar! Apareceu-me o meu Quico que me diz: «lixei os gajos! Eles queriam levar-te e eu pensei como te tirar do caminho deles. Transformei o "a" numa arroba "@". Como o trabalho tem de ser perfeito eles tiveram de desistir.

 

Há momentos de sorte ou será que eles andam mesmo aí!?

 

Em Adrão também há flores lindas. São elas que embelezam as montanhas do Ventor, nas suas caminhadas

Ventor, nas suas caminhadas | Divulga também a tua página

luis.jpg

Luiz Franqueira e o Quico

Sou eu e o meu Quico. Éramos amigos inseparáveis. O Senhor da Esfera levou-mo e, três anos depois, o mesmo Senhor da Esfera, enviou-me o Pilantras

Ticas2.jpg

Pilantras - o Ticas

O Pilantras também é lindo. A seu modo, já não fica a dever nada ao Quico. O Quico corria a meu lado a ver qual chegava primeiro ao computador. O Pilantras vai pela sucapa e ocupa a cadeira

Este é o Link da minha

Grande Caminhada

Caminharei por aqui, hoje e sempre, com o meu velho Quico na cabeça e o meu Ticas a meu lado

Ticas1.jpg

Ticas

O Cão Sabujo de Soajp

2017-09-15 14-22-58_0096.jpg

Este é o cão Sabujo de Soajo

Este cão é aquele a que hoje chamam o cão de Castro Laboreiro. Era o cão que as gentes de Soajo, segundo rezam as suas histórias e o Prof. Jorge Lage, pagavam em tributo aos reis de Portugal. Esse cão acompanhava os monteiros de Soajo nas guardas dos rebanhos e nas montarias reais

O lobo cinzento

Irei falar, por aqui da serra de Soajo e também dos seus lobos e das suas montarias ao lobo, as únicas em que participei como observador, ainda criança. Sabemos que o lobo ibérico é uma subespécie do lobo cinzento mas também sabemos que é um animal fabuloso

16726778_eS0z4.jpg

Falar da serra de Soajo, na qual continuo a caminhar em sonhos, não é só falar de lobos mas, também, falar das suas flores e, escolho para as representar a primeira de todas, as ericas...

DSC03018.jpg

... e depois esta Gentiana azul, esta bela flor azul, aparecida na Corga da Vagem, depois de não haver cabras por lá

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.