Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Adrão e o Ventor

Eu nasci na serra de Soajo e Adrão, nas suas encostas, é o meu berço

Adrão e o Ventor

Eu nasci na serra de Soajo e Adrão, nas suas encostas, é o meu berço

Nasci em Adrão e, desde muito novo, iniciei as minhas caminhadas pela minha serra - a serra de Soajo. Em 2009 ouvi falar de uma cruz que tinha sido colocada no Alto da Derrilheira. Numa caminhada realizada com os meus companheiros e amigos da serra de Soajo, Luiz Perricho, António Branco e José Manuel Gameiro, fomos recebidos no nosso mais belo Miradouro como mostra esta foto.


Algumas das vacas da serra, receberam-nos e, na sua mente, terão dito: «contempla Ventor, mais uma vez, toda esta beleza que nunca esqueces. Este é o teu mundo e é nele que o Senhor da Esfera te aguarda». Tem sido sempre assim, antes e depois da Cruz.


Se quiserem conhecer Adrão, Soajo e a nossa serra, podem caminhar pelos meus posts e blogs. Para já, só vos digo que fica no Alto Minho.



Depois? Bem, depois ... vamos caminhando!


O Cantinho do Ventor
Caminhando por aí
Ventor e a África
Observar o Passado
Planeta Azul
A Grande Caminhada
A Arrelia do Quico
Os Amigos do Quico
Fotoblog do Quico
Fotoblog do Ventor
Coisas Lindas do Ventor
Rádio Ventor
Pilantras com o Ventor
Fotoblog do Pilantras
Montanhas Lindas
Os Filhos do Sol
As Belezas do Ventor
Ventor entre as Flores

rio adrão.jpeg

Aqui nasce o rio Adrão


Das melhores coisas da minha vida, foi caminhar no rio de Adrão. Até aos 15 anos e depois, à medida que por lá ia passando. Nesses tempos eu caminhava no meu rio como caminho hoje por muitos trilhos limpos.

 

O rio Adrão nasce aqui e vai perder-se enleado em matagais sem fim


06.04.07

Rosa é o seu nome


Ventor

Chamam-lhe Rosinha, à "tia" Rosinha Félix.

Foi assim que eu sempre lhe ouvi chamar. Foi assim que eu sempre gostei de lhe ouvir chamar e é assim que eu lhe vou chamar hoje:

«PARABÉNS TIA ROSINHA FÉLIX!

Coloco-lhe aqui duas flores das nossas Montanhas Lindas. Eu chamo-lhes flores de resistência, porque resitiram ao pavor e, poucos dias depois, ei-las perante o nosso amigo Apolo e perante o Ventor

Pela primeira vez na minha vida tenho oportunidade de dar os parabéns a alguém que faz 100 anos. 100 ANOS!!!

E eu que tenho um plano apenas para os 90! Não vou ter ninguém a dar-me os parabéns pelos meus 100 anos de sonho. Nem sonhando!

Mas você tem, certamente, os parabéns de toda a gente de Adrão. Pelo menos aqueles que sabem e eu sei porque mo disse em Agosto, quando fizemos um pézinho do vira num passeio dos Arcos.

Toda a gente de Adrão, no seu regresso ao ninho, recordará sempre o seu sorriso e os seus braços estendidos e aposto que todos gostaremos que isso continue por mais uns aninhos.

Eu sei porque você me disse que gostaria de fazer os 100 anos na sua terra, na sua casinha, mas a vida moderna não nos permite esses luxos.

Estará longe, embora eu não tenha a certeza se foi possível realizar o seu sonho de vir fazer os 100 anos em mais um "Abril au Portugal". Mas seja onde for, aqui ou na terra do tio SAM, junto da sua família, tenho a certeza que eles serão bem passados. Estará rodeada de familiares e amigos em qualquer dos lados e outros, afastados de si como eu, também estaremos presentes em espírito a seu lado.

Gostaria de colocar aqui uma foto sua mas infelizmente não lha tirei em Agosto  mas prometo que para a próxima não passará.

Quando voltar a Adrão, lá ou nos Arcos, espero reencontrar o seu sorriso e a sua boa disposição e voltaremos a abraçar-nos com toda a amizade de sempre.

Feliz aniversário tia Rosa.

 Como esse amigo eu andarei á sua volta e comerei do seu bolo

A partir de hoje, vamos prepara-nos para os 101. Muitos beijinhos tia Rosa.

 


As Montanhas Lindas do Ventor, são as montanhas da serra de Soajo, da serra Amarela, do Gerês, ... são as montanhas dos meus sonhos e são, também, as montanhas de toda a minha gente